One thought on “Benção e Maldição na Família de Noé – Dr. Caramuru Afonso Francisco”

  • Pastor Caramuru,

    Parece que o amado irmão forçou um pouco nesta última lição, a fim de nos convencer acerca de algumas nossas crenças assembleianas.
    Em certo lugar do texto, o senhor afirma: “O vinho é o suco da uva não fermentado, enquanto que a “bebida forte” é a bebida alcoólica propriamente dita”. Não é apresentada nenhuma fonte para amparar essa afirmação. Concordo com os argumentos de que deveremos nos abster do consumo de bebida alcoólica, mas o embasamento bíblico apresentado mostrou-se bastante sem fundamentação. Na Bíblia existem diversos textos que citam o vinho juntamente com o embebedamento, deixando-nos com uma confortável segurança de que o vinho é sim o suco de uva fermentado, tais como o próprio fato ocorrido com Noé (E bebeu do vinho, e embebedou-se; e descobriu-se no meio de sua tenda. Gênesis 9:21), com Ló (Gn 19.32), Joel 1.5 etc.
    Em outra parte do texto, o amado pastor afirma: “Este nível é bem visto nos cultos de fertilidade que eram ali praticados (dos quais o culto a Baal é o mais mencionado nas Escrituras) e no próprio sacrifício de crianças às divindades (a base do culto a Moloque), medidas abomináveis e que exsurgiram precisamente nesta violação aos parâmetros divinos por parte de Cão e de Canaã.” Ora, o culto a Moloque era praticado principalmente pelos amonitas, descendentes de Ló (Gn 19.38), portanto do ramo semita da humanidade.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.