Latest News

Comentários LB Adultos
Eu Sei Em Quem Tenho Crido – Luciano de Paula Lourenço

Eu Sei Em Quem Tenho Crido – Luciano de Paula Lourenço

Texto Base: 2Tm 1:3-8; 2:1-4

“[…] porque eu sei em quem tenho crido e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele Dia” (2Tm 1:12).

INTRODUÇÃO

Dando continuidade ao estudo das “Ordenanças de Cristo nas Cartas Pastorais”, estudaremos a partir desta Aula a respeito da Segunda Epístola de Timóteo. Esta é a última carta de Paulo, escrita na penumbra do martírio. Era um tempo de graves ameaças à fé cristã. De um lado, o fogo da perseguição soprava com indomável violência. Por outro lado, o assédio dos falsos mestres era assaz audacioso. Muitos crentes estavam abandonando as fileiras do evangelho. Outros esquivavam-se de qualquer ligação com o apóstolo Paulo, o qual estava preso como um malfeitor, sob pesadas acusações, numa insalubre masmorra romana, na antessala do martírio. Apesar de estar velho e cheio de cicatrizes, tendo de suportar o rigor do inverno e o abandono de muitos amigos, Paulo não está, prioritariamente, preocupado consigo mesmo, mas em manter acesa a chama da fé e incontaminado o evangelho de Cristo para as gerações pósteras. O evangelho é maior que os obreiros. Estes passam; o evangelho permanece.

Comentários LB Adultos
Conselhos Gerais – Eu Vou pra EBD

Conselhos Gerais – Eu Vou pra EBD

No capítulo anterior, terminamos observando que Paulo se referia aos cuidados que Timóteo deveria ter com pessoas idosas, com jovens e especialmente com as viúvas, a quem ele destinou boa parte de seus conselhos pastorais. Em seguida, de modo aparentemente desconexo com o pensamento que seguia em sua carta, o apóstolo passa a doutrinar sobre os presbíteros, como líderes das igrejas locais, e o cuidado que os crentes devem ter para com eles, como também, outra vez, passa a dar conselhos importantes à igreja cristã sobre o relacionamento entre patrões e empregados, e para a igreja em geral.

Paulo era um fazedor de líderes. Ele se preocupava com a formação de uma liderança cristã consciente de sua grande missão, especialmente naqueles tempos, em que a Igreja de Cristo estava sendo formada. A missão dos presbíteros era de grande valor e necessidade nos primórdios da expansão da Igreja no mundo.

Comentários LB Adultos
Conselhos Gerais – Pr. Adilson Guilhermel

Conselhos Gerais – Pr. Adilson Guilhermel

Texto Áureo: Olhai, pois, por vós e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constitui bispos. Atos 20.28.
Leitura Bíblica em Classe: I Timóteo 5.17-22; 6.9,10

Introdução: Quem assume atividades pastorais na Igreja, seja presbítero, ancião ou bispo passa a exercer a responsabilidade de Pastor e assumindo essa responsabilidade devem cuidar de si mesmos e serem exemplos de espiritualidade para os membros da Igreja. A tarefa de cuidar das necessidades de todo o rebanho de Deus exige muita preparação e qualificação para exercer esse ofício, pois nessa tarefa tudo que envolve o rebanho haverá prestação de contas com Deus. Pastorear significa cuidado amoroso e responsável como o rebanho, o qual deve ser cumprido com voluntariedade, sem jamais vir tirar proveitos para o seu engrandecimento, ou enriquecimento pessoal. O rebanho é herança de Deus e, esse é um motivo muito forte para darmos bons exemplos de vida, sem qualquer reprovação. É bom sempre ter em mente que a Igreja foi comprada pelo sangue de Cristo pagando um preço incalculável para salvar um povo para si mesmo. Ninguém pode ministrar adequadamente aos outros se a sua vida não desenvolver a espiritualidade necessária para isso. Não adianta alguém tentar apascentar aqueles que Deus confiou aos seus cuidados se não houver consciência da sua responsabilidade.

Pages