Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs – Telma Bueno

Oração e Recomendação às Mulheres Cristãs – Telma Bueno

INTRODUÇÃO
I –  ORAÇÃO POR TODOS OS HOMENS
II – A SALVAÇÃO DE TODOS
III – A MANEIRA DE SE VESTIR DAS MULHERES
CONCLUSÃO

 


I- ORAÇÃO POR TODOS OS HOMENS

Professor, enfatize que a Palavra de Deus exorta a orarmos em favor de todos os homens. Aproveite a oportunidade ímpar, e juntamente com seus alunos, levante um clamor em favor dos governantes de nossa nação. O Brasil carece das nossas orações.

“Em primeiro lugar, a oração (1 Tm 2.1)
A expressão ‘antes de tudo’ indica a prioridade da oração nas atividades da igreja. Nesse versículo são grafadas quatro das sete palavras do Novo Testamento sobre a oração: deeseis, uma expressão de desejo ou necessidade; proseuche, um termo geral para as orações em público ou em locais privados; enteuxis, que sugere uma oração corajosa, mas conversacional, confiante do acesso a Deus; e eucharistia, que significa dar graças.

Oração em favor das autoridades (1 Tm 2.2) 
Autoridades hostis limitam as prerrogativas da igreja de se reunir, estudar e evangelizar. Paulo exorta que se ore por todas as pessoas investidas de autoridade, para que estas permitam a liberdade de expressão da fé cristã” (RICHARDS, Lawrence O. Guia do Leitor da Bíblia. 1 ed. Rio de Janeiro: CPAD, p. 834). Temos a responsabilidade de orar em favor de todos os homens.

II – A SALVAÇÃO DE TODOS

Professor, ressalte o fato de que o nosso Deus é misericordioso e amoroso, por isso, deseja que todos os homens se salvem. Leia com os alunos 1 Timóteo 2.3,4. Sabemos, por intermédio das Escrituras Sagradas, que nem todos serão salvos, porém Deus deseja que todos venham a conhecer Cristo. Como Igreja do Senhor, temos que fazer a nossa parte, evangelizando, levando a mensagem de salvação em Jesus a todas as nações.

Deus enviou seu Filho ao mundo para a salvação de todos os que creem. O texto de João 3.16 nos revela o propósito de Deus para com a humanidade — a salvação. Vejamos:

(1) “O amor de Deus é suficientemente imenso para abranger todos os homens, o ‘mundo’ (1 Tm 2.4).
(2) Deus ‘deu’ seu Filho como oferenda na cruz por nossos pecados. A expiação procede do coração amoroso de Deus. Não foi algo que Ele foi obrigado a fazer (1 Jo 4.10).
(3) Crer inclui três elementos principais: (a) plena convicção de que Cristo é o Filho de Deus e o único Salvador do perdido pecador; (b) comunhão com Cristo pela nossa autosubmissão, dedicação e obediência a Ele; (c) plena confiança em Cristo de que Ele é capaz e também que conduzir o crente à salvação e à comunhão com Deus.
(4) Perecer é quase sempre a palavra esquecida em 3.16. Ela não se refere à morte física, mas à pavorosa realidade do castigo eterno no inferno (Mt 10.28)” (Bíblia de Estudo Pentecostal, CPAD, p. 1575).

III – A MANEIRA DE SE VESTIR DAS MULHERES

1.“O traje das mulheres (2.9-10). A admoestação de Paulo não impede a mulher de se vestir de maneira elegante, mas tão somente de se utilizar do vestuário para chamar a atenção. A melhor maneira de uma pessoa, homem ou mulher, expressar a sua individualidade é através das boas obras que evidenciam um caráter piedoso. A sociedade da época, como a nossa, parece que pressionava as mulheres a que se vestissem como se fossem objetos sexuais. Assim também os valores e qualificações foram determinados pela habilidade de estimularem a sexualidade dos homens. Esse procedimento tem aviltado as mulheres tanto do passado como de hoje em dia” ((RICHARDS, Lawrence O. Guia do Leitor da Bíblia. 1 ed. Rio de Janeiro: CPAD, p. 834).

2.“A mulher [não] ensine, nem use de autoridade sobre o marido” (1 Tm 2.11-14). Esta é uma das passagens mais controvérsias do Novo Testamento, principalmente porque não temos certeza do que ela quer dizer exatamente. Certamente há um lugar para as mulheres no ministério ativo da igreja. Paulo falou aprobatoriamente das mulheres orando e profetizando na igreja (1 Co 11.5). Ele louvou a mãe e a avó que instruíram Timóteo (2 Tm 1.5; 3.15). Ele também esboçou responsabilidades de ensino específicas para mulheres mais velhas em sua carta a Tito (2.3,4)” (RICHARDS, Lawrence O. Comentário Devocional da Bíblia. 1 ed. Rio de Janeiro: CPAD, p. 902).

 CONCLUSÃO

O capítulo 2 de 1 Timóteo pode ser resumido da seguinte maneira:

“Paulo enfatiza a necessidade de os crentes orarem pelos governantes, que os cristãos vivam em paz na sociedade e que disseminem o evangelho (2.1-7);
Nos cultos, os homens devem manter a santidade e unidade (v. 8) enquanto que as mulheres, em traje decente, devem portar-se de maneira apropriada (vv. 9,10);
Numa passagem bastante questionada, o apóstolo parece restringir o papel das mulheres diante dos que têm autoridade de ensinar na igreja (vv. 11-15).

Por Telma Bueno
Educação Cristã.
Publicações. CPAD. 

Publicado no Portal Lições Bíblicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *