Lições Bíblicas

Subsídios para as lições Bíblicas

Comentários LB Adultos
Deveres Civis, Morais e Espirituais – Rede Brasil de Comunicação

Deveres Civis, Morais e Espirituais – Rede Brasil de Comunicação

Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco

Superintendência das Escolas Bíblicas Dominicais

Pastor Presidente: Aílton José Alves

Av. Cruz Cabugá, 29 – Santo Amaro – Recife-PE / CEP. 50040 – 000 Fone: 3084 1524

LIÇÃO 10 – DEVERES CIVIS, MORAIS E ESPIRITUAIS – 2º TRIMESTRE DE 2016

(Rm 13.1-8)

INTRODUÇÃO

Neste capítulo 13 de Romanos, o apóstolo Paulo trata de três tópicos importantes sobre as responsabilidades do crente para com as autoridades civis (Rm 13.1-7); para com o próximo (Rm 13.8-10) e para com sua vida pessoal (Rm 13.11-14). Paulo escreveu esta seção visando o ambiente sociopolítico das igrejas que se reuniam em casas romanas. Ele tinha plena consciência das realidades sociais e políticas que confrontavam os cristãos em Roma. O apóstolo não pretendia apresentar uma teoria geral de relacionamento Igreja-Estado. Sua intenção era mostrar que, assim como Deus ordenou toda a criação, devemos manter em ordem a comunidade social e política.

Comentários LB Adultos
Deveres Civis, Morais e Espirituais – Dr. Adaylton Almeida

Deveres Civis, Morais e Espirituais – Dr. Adaylton Almeida

DEVERES CIVIS, MORAIS E ESPIRITUAIS – Lição 10 EBD/CPAD – Subsídio Teológico por Pr. Dr. Adaylton de Almeida Conceição

OBRIGAÇÃO ÀS AUTORIDADES  – ROMANOS cap. 13.

Apesar do fato que o crente não mais pertença a este mundo pela salvação em Cristo, ele ainda tem a responsabilidade ao governo. O melhor cidadão deve ser o crente.  O crente deve exercer o seu privilégio como cidadão. Grandes homens como José e Daniel tiveram ministérios espirituais e ainda trabalharam nos governos dos incrédulos. O Espírito ainda pode usar crentes dedicados para fazer só a responsabilidade de votar ou até ser presidente da república. Neste capítulo Paulo nos dá motivos para obedecer ao governo humano. 

Comentários LB Adultos
Deveres Civis, Morais e Espirituais – Ev. Luiz Henrique

Deveres Civis, Morais e Espirituais – Ev. Luiz Henrique

Lição 10, Deveres Civis, Morais e Espirituais

2º trimestre de 2016 – Maravilhosa Graça – O Evangelho de JESUS CRISTO Revelado Na Carta Aos Romanos

Comentarista da CPAD: Pr. José Gonçalves

Complementos, ilustrações, questionários e vídeos: Ev. Luiz Henrique de Almeida Silva

NÃO DEIXE DE ASSISTIR AOS VÍDEOS DA LIÇÃO ONDE TEMOS MAPAS, FIGURAS, IMAGENS E EXPLICAÇÕES DETALHADAS DA LIÇÃO

http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/videosebdnatv.htm

AQUI VOCÊ VÊ PONTOS DIFÍCEIS DA LIÇÃO – POLÊMICOS

Para Ajuda Leia a Lição 10 de 2004 – http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/licao10-colossenses-orelacionamentodocristao.htm

Lição 7 de 2003 – http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/licao7-aprendendo-relacionamentodomesticoesocial.htm

LIÇÃO 3 – 2002 – http://www.apazdosenhor.org.br/profhenrique/licao13eticaepolitica.htm

 

 

TEXTO ÁUREO
“Toda alma esteja sujeita às autoridades superiores; porque não há autoridade que não venha de DEUS; e as autoridades que há foram ordenadas por DEUS.” (Rm 13.1).

Comentários LB Jovens
Quando a Divisão se Instala na Família – Sulamita Macedo

Quando a Divisão se Instala na Família – Sulamita Macedo

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

– Cumprimentem os alunos.

– Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

– Perguntem como passaram a semana.

– Escutem atentamente o que eles falam.

– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

– Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

Comentários LB Adultos
Deveres Civis, Morais e Espirituais – Sulamita Macedo

Deveres Civis, Morais e Espirituais – Sulamita Macedo

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

– Cumprimentem os alunos.

– Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

– Perguntem como passaram a semana.

– Escutem atentamente o que eles falam.

– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

– Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

Pages