Comentários LB Adultos

Comentários das Lições Bíblicas Adultos

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina – Pr. Geraldo Carneiro Filho

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Pr. Geraldo Carneiro Filho

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL
IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLEIA DE DEUS EM ENGENHOCA
NITERÓI – RJ
LIÇÃO Nº 01 – DATA: 04/10/2015
TÍTULO: “GÊNESIS, O LIVRO DA CRIAÇÃO”
TEXTO ÁUREO – Gn 1.11
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE: Gn 1.1-10, 14, 26
PASTOR GERALDO CARNEIRO FILHO

I – INTRODUÇÃO:

Nada há dentro do livro mais antigo que existe que o contradiga; ao contrário, muitas coisas narradas pelos escritores pagãos mais antigos, ou que se podem descobrir nos costumes de nações diferentes, confirmam o relatado no livro do Gênesis.

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina –  Ev. Isaías de Jesus

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Ev. Isaías de Jesus

Texto Áureo =  “No princípio, criou Deus os céus e a terra.” (Gn 1.1)

Verdade Prática = Sem o livro de Gênesis, as grandes perguntas da vida ainda estariam sem resposta.

LEITURA BIBLICA = GÊNESIS 1:-10,14-16.

INTRODUÇÃO

O LIVRO DE GÊNESIS

Título

No Antigo Testamento hebraico, a primeira palavra do texto, bereshit, “no princípio”, serve de título para o livro de Gênesis. Tomar a primeira frase ou palavra de uma obra literária para denominá-la era prática comum no antigo Oriente Próximo. A tradução grega chamada Septuaginta (LXX) toscamente igualou este termo de abertura com a palavra gênesis, que significa “origem ou fonte”. A palavra grega permaneceu em nossas versões bíblicas, porque descreve notavelmente bem o conteúdo do livro. E o livro dos começos: o começo do universo, do homem, do pecado, da salvação, da nação hebraica, da aliança com os homens.

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina – Ev. José Roberto A. Barbosa

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Ev. José Roberto A. Barbosa

Texto Áureo  Gn. 1.1  – Leitura Bíblica  Gn. 1.1-26

Prof. Ev. José Roberto A. Barbosa

www.subsidioebd.blogspot.com

Twitter: @subsidioEBD

INTRODUÇÃO

Neste trimestre estudaremos Gênesis, o livro dos princípios. Nessa primeira aula nos voltaremos para os aspectos contextuais do texto. Inicialmente abordaremos o tema central, a data em que foi escrito, e quem foi seu autor. Em seguida, trataremos a respeito dos objetivos, temas principais e estrutura do livro. Ao final, destacaremos o conteúdo, e principalmente, a relevância desse livro para os dias atuais.

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina – Rede Brasil de Comunicação

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Rede Brasil de Comunicação

Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco

Superintendência das Escolas Bíblicas Dominicais

Pastor Presidente: Aílton José Alves

Av. Cruz Cabugá, 29 – Santo Amaro – Recife-PE / CEP. 50040 – 000 Fone: 3084 1524

LIÇÃO 01 – GÊNESIS, O LIVRO DA CRIAÇÃO DIVINA – 4º TRIMESTRE DE 2015

(Gn 1.1-10,14,26)

INTRODUÇÃO

A lição do último trimestre de 2015 tem como título: O Começo de Todas as Coisas – Estudos sobre o livro de Gênesis, onde teremos a oportunidade de estudar treze lições baseadas no Gênesis – o primeiro livro da Bíblia. Nesta primeira lição, destacaremos informações importantes acerca deste livro, tais como: nome, autoria, data, estrutura, propósito, dentre outras coisas; veremos ainda qual a sua importância do ponto de vista: teológico, literário e histórico; e, por fim, pontuaremos a perfeita harmonia dos seus assuntos com o último livro da Bíblia – o Apocalipse.

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina – Francisco A. Barbosa

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Francisco A. Barbosa

TEXTO ÁUREO

“No princípio, criou Deus os céus e a terra.” (Gn 1.1)

Deus se revela na Bíblia como um ser infinito, eterno, auto-existente e como a Causa Primária de tudo o que existe. Nunca houve um momento em que Deus não existisse. Conforme afirma Moisés: “Antes que os montes nascessem, ou que tu formasses a terra e o mundo, sim, de eternidade a eternidade, tu és Deus” (Sl 90.2). Noutras palavras, Deus existiu eterna e infinitamente antes de criar o universo finito. Ele é anterior a toda criação, no céu e na terra, está acima e independe dela (1Tm 6.16; Cl 1.16).

Comentários LB Adultos
Gênesis, o Livro da Criação Divina – Sulamita Macêdo

Gênesis, o Livro da Criação Divina – Sulamita Macêdo

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

– Cumprimentem os alunos.

– Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

– Perguntem como passaram a semana.

– Escutem atentamente o que eles falam.

– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

Comentários LB Adultos
A Manifestação da Graça da Salvação – Francisco A. Barbosa

A Manifestação da Graça da Salvação – Francisco A. Barbosa

TEXTO ÁUREO

“Porque a graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação  a todos os homens.” (Tt 2.11)

VERDADE PRÁTICA

A graça de Deus emanou do seu coração amoroso para salvar o homem perdido, por meio do sacrifício vicário de Cristo Jesus.

LEITURA DIÁRIA

Segunda – Ef 2.8

O homem é salvo pela graça, por meio da fé

Terça – Jo 5.24

Aquele que ouve e crê tem a vida eterna e não entrará em condenação

Quarta – At 20.24

Dando testemunho do “evangelho da graça de Deus”

Quinta – Mc 1.15

É necessário que o pecador se arrependa e pela fé creia em Jesus Cristo

Sexta – 2 Co 5.17

Todos os que estão em Jesus Cristo são novas criaturas

Sábado – Hb 12.14

Sem santificação ninguém verá o Senhor

LEITURA BÍBLICA EM CLASSE

Tito 2.11-14; 3.4-6

Comentários LB Adultos
A Manifestação da Graça da Salvação – Ev. Isaías de Jesus

A Manifestação da Graça da Salvação – Ev. Isaías de Jesus

Texto Áureo = “Porque a graça de Deus se há manifestado, trazendo salvação a todos os homens.” (Tt 2.11)

Verdade Prática = A graça de Deus emanou do seu coração amoroso para salvar o homem perdido, por meio do sacrifícios vicário de Cristo Jesus.

LEITURA BIBLICA = TITO 2: 11-14 = 3:4-6

INTRODUÇÃO

Temos aqui as bases ou as considerações sobre as quais todas as orientações precedentes estão ratifica das, extraídas da natureza e do plano do evangelho e da finalidade da morte de Cristo.

Da natureza e plano do evangelho. Jovens e velhos, homens e mulheres, senhores e servos, o próprio Tito, todas as diferentes classes de pessoas, devem realizar seus respectivos deveres, porque esse é o alvo e a tarefa do cristianismo: instruir, ajudar e formar pessoas, sob todo tipo de distinções e relacionamentos, para uma forma e conduta corretas.

Pages