Mês: janeiro 2017

Paciência: Evitando as Dissensões – Luciano de Paula Lourenço

Paciência: Evitando as Dissensões – Luciano de Paula Lourenço

Texto Base: Tiago 5:7-11

“Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação […]” (Rm.12:12).

INTRODUÇÃO

Nesta Aula estudaremos a respeito da Paciência ou Longanimidade, como Fruto do Espírito, e as Dissensões, como obra da carne. Poucas pessoas podem fazer suas as palavras do Salmista Davi: “Esperei com paciência no Senhor…” (Salmos 40:1). O mundo vive, hoje, numa ansiedade neurótica. As pessoas, a cada dia, estão mais ansiosas, o que contribui para o aumento das dissensões. Basta ler ou assistir os noticiários para vermos casos de brigas e confusões por coisas frívolas. Muitos desses casos acabam em tragédia e famílias destruídas. Mas o crente fiel precisa fazer a diferença: mostrar amor, tolerância, dar provas de paciência, pois “… o Fruto do Espírito é… Paciência…”, ou Longanimidade.

O Sustento da Igreja – Sulamita Macedo

O Sustento da Igreja – Sulamita Macedo

Lição 06: O sustento da Igreja

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

– Cumprimentem os alunos.

– Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

– Perguntem como passaram a semana.

– Escutem atentamente o que eles falam.

– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

Paciência: Evitando as Dissensões – Sulamita Macedo

Paciência: Evitando as Dissensões – Sulamita Macedo

Lição 06: Paciência: Evitando as Dissensões

Professoras e professores, observem estas orientações:

1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:

– Cumprimentem os alunos.

– Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.

– Perguntem como passaram a semana.

– Escutem atentamente o que eles falam.

– Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.

Pages